Oi.

Engraçado como as coisas acontecem na nossa vida, né?

Bom, eu tô lendo aquele livro da Isabela Freitas. O “não se iluda não” e tem aquela estória da personagem que escreve um blog em anonimato e tudo mais, pra poder desabafar sobre a vida. E adivinhem? Pois é. Me inspirei na personagem e quis fazer igual.

A minha cabeça anda meio bagunçada sabe?

Basicamente é o seguinte: eu tenho um namorado. Estamos juntos à dois anos, um mês e onze dias, pra ser bem exata. Nosso relacionamento é bastante complicado. É ele uma pessoa insegura, ciumenta, possessiva, mimada e extremamente controladora. Tem o lado bom dele que cara, é sensacional. Mas o problema é que ele só é assim quando quer.

Nunca estamos em uma maré tranquila, de só curtir coisas boas e tal. Sempre rola alguma discussão, alguma coisa que eu fiz que incomodou e essas coisas todas.

Eu gosto dele demais! Demais mesmo. E sei que ele sente o mesmo por mim. Só que o cara simplesmente não sabe lidar com tudo que ele sente e acaba agindo igual louco e me deixando louca também.

O “não sei falar em voz alta” é bem o literal da frase mesmo. Não sei. Não sei colocar pra fora tudo que tá aqui dentro. Guardo pra mim. Sempre. À sete chaves. No mais profundo do coração. E fiz esse cantinho aqui só pra poder desabafar. Pra poder falar sabendo que não vai ter ninguém do outro lado me julgando.

E espero conseguir me expressar e me entender melhor.

 

Anúncios